Últimas histórias

  • Sobre ,

    Ópera cômica “O Empresário” estreia dia 15 em Mossoró

    Mossoró terá pela primeira vez uma ópera a partir do projeto pioneiro da Companhia Lyricus, que apresentará o espetáculo “O Empresário”, no período de 15 a 17 de outubro, no Teatro Lauro Monte Filho. O espetáculo reúne a música erudita, o teatro, a dança, a literatura e é uma livre adaptação em português da ópera em 1 ato “Der Schauspieldirektor”, de W. Amadeus Mozart. A companhia Lyricus deu um toque mossoroense à trama da montagem que entrará para a história cultural da cidade. A ópera “O Empresário” foi contemplada com recursos da Lei Aldir Blanc, da Prefeitura de Mossoró.

    Claudia Max, diretora-geral do espetáculo, destacou que mesmo sendo gênero musical e uma expressão artística existente desde o século XVII com sucesso até hoje na Europa e outras partes do mundo, incluindo o Brasil, havia uma lacuna em relação à ópera em Mossoró.

    “Por a gente não ter essa tradição da música erudita aqui em Mossoró, pelo menos nunca houve a montagem de uma ópera. Então, como eu sou educadora musical, musicista, professora de canto, trabalho com espetáculos de música popular e música erudita, eu sinto falta de um trabalho de base, de um trabalho que venha proporcionar mais uma qualidade, que venha diversificar a nossa cultura, enriquecer a nossa cultura. Então, eu pensei em fazer a montagem de uma obra que é uma coisa inédita em Mossoró, porque eu acho que em toda parte do mundo a gente precisa ter todas as vertentes de música de qualidade e a ópera é um espetáculo completo. Ela é a junção de todas as artes, da literatura, da dança, da música, do teatro. É uma riqueza muito grande que Mossoró tinha essa lacuna e a partir de agora com esse trabalho pioneiro na montagem da ópera O Empresário, que é a primeira montagem de ópera de Mossoró. Para nós é um motivo de muita alegria”, ressaltou a diretora.

    A ópera é um história que traz elementos do teatro, mas além de ser contada com elementos cênicos também é cantada. Uma das vertentes mais conhecidas atualmente é o teatro musical da Broadway, que teve origem a partir da ópera. A diferença é que a ópera tem como base a música lírica e o teatro musical envolve a música popular. “Se não fosse a ópera não existiria o teatro musical. Na verdade, o teatro musical da Broadway bebeu na fonte da ópera”, afirmou Claudia Max.

    Toque mossoroense

    Embora a obra tenha sido escrita há 235 anos e com estreia em 1786, a ópera ainda traz uma trama com enredo bastante atual, pois trata-se de uma comédia, onde um empresário apaixonado pelas artes quer montar uma ópera em sua cidade, mas está desmotivado por falta de recursos e surge um banqueiro para patrocinar e junto com ele as cantoras líricas disputando para ser a “Prima Donna” da montagem. A Companhia Lyricus fez uma adaptação dentro da nossa realidade no texto originalmente escrito em alemão, que na ópera mossoroense será na versão em português. As músicas receberam versões em português feitas por Claudia Max para melhor entendimento da história.

    “Ela fala de situações corriqueiras que acontecem nas melhores montagens de teatro e espetáculos do Brasil. Ela fala da falta de apoio, da dificuldade de se conseguir o patrocínio, ela fala do ego de artistas. A gente traz uma reflexão sobre o etarismo, a gente traz uma reflexão sobre a diferença, da importância do artista dele ser como ele é, a importância de todo mundo ter o seu lugar ao sol. Traz a discussão da questão do preconceito, da questão da discussão de gênero. Então, a gente traz tudo isso pra uma realidade atual que já acontecia nos tempos de Mozart”, destacou.

    O enredo narra a trama da montagem de uma ópera desde seus bastidores em uma comédia que envolve a vida e a relação entre os artistas com mais variados dilemas e conflitos. São seis personagens: Frank (diretor interpretado por Leo Wagner); Bufos (assistente interpretado por André de Lima); Madame Truckerre (Tatyana Xavier); Mademoiselle Pantim (Nana Sousa); Mademoiselle Dukupuar (Kleiton D’Araújo); e Hélios (banqueiro interpretado por Marcos Vinicius).

    “Na nossa adaptação a gente alterou o nome dos personagens até para melhor assimilação. A gente trabalha com a nossa linguagem, no mossoroês, digamos assim. Então, por exemplo, tem uma personagem que é muito cheia de truques, é muito cheia de artimanhas que rebatizamos de Madame Truckerre, que é cheia de truques e deu essa conotação um pouco francesa para ficar mais chique. É uma comédia, é uma ópera cômica que às vezes a gente acha que ópera é sempre uma coisa triste, é uma coisa melancólica, pesada… Essa é uma ópera leve, como se diz no linguajar musical, é uma ópera-bufa. Eu acredito que vai agradar a todo mundo”, disse Claudia Max, que também é diretora artística da ópera.

    A ópera “O Empresário” estreia às 20h da sexta-feira (15), no Teatro Lauro Monte Filho. O espetáculo será apresentado no mesmo horário e local no sábado (16) e no domingo (17). Os ingressos estão sendo vendidos a preço popular no valor de R$ 20. Os ingressos podem ser adquiridos na Escola de Artes de Mossoró, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. A Secretaria Municipal de Cultura apoia a ópera e o projeto foi patrocinado no edital do chamamento público nº 005/2020 da Lei Aldir Blanc.

    Sobre a Companhia Lyricus

    A Companhia Lyricus surgiu em 2017, a partir das professoras Claudia Max e Tatyana Xavier, como estratégia de fomentar o canto lírico na cidade de Mossoró. O grupo vem desenvolvendo um trabalho tanto a vertente do canto erudito quanto a vertente da MPB e de grandes clássicos da música universal de todos os tempos. A partir desse trabalho pioneiro e de excelência, a Companhia Lyricus vem se destacando no cenário artístico-musical da cidade, já tendo realizado várias apresentações, shows, musicais, produzindo grandes espetáculos, tais como Grandes Clássicos Infantis in Concert, Passione, Cantos della terra e Árias e Canções.

    Ficha Técnica:
    Músicos instrumentistas Quarteto de Cordas Mozartianos: Keyvison Danilo (primeiro violino), Isaac Rufino (segundo violino), Lucas Almeida (viola), Jonathan Rodrigues (violoncelo);
    Pianista convidado: Heber Jamin;
    Direção artística, produção-geral e versão em português das músicas: Claudia Max;
    Direção musical e arranjo para orquestra de câmara: Kleiton D’Araújo;
    Direção cênica e livre adaptação do texto: Leo Wagner;
    Produção executiva: Manu Aires;
    Preparação vocal: Tatyana Xavier;
    Cenografia: Damásio Costa;
    Figurinos: Marcos Leonardo;
    Maquiagem: Joriana e Manu P.;
    Iluminação: Alex Peteka;
    Design das artes: Felipe Nobre.

    Serviço: “O Empresário” – ópera cômica de W . A. Mozart em 1 ato
    Data/hora: Dias 15, 16 e 17 de outubro, às 20h
    Local: Teatro Lauro Monte Filho, localizado em frente à Praça Vigário Antônio Joaquim, Centro
    Entrada: Ingresso custa R$ 20, à venda na Escola de Artes

  • Sobre ,

    Dose de reforço da Covid se estende a todos os profissionais da saúde em Mossoró

    A partir deste sábado (9) todos os profissionais da saúde que completaram o ciclo de vacinação da Covid (1ª e a 2ª) há pelo menos seis meses, podem tomar a dose de reforço (3ª dose). Baixou também a idade para os idosos. A aprtir de agora idoso com 60 anos + que tomaram a 2ª dose a pelo menos seis meses, já podem tomar a dose reforço. A vacinação no sábado acontece das 8h às 16h no Ginásio do SESI. No domingo (10), no mesmo horário, a vacinação prossegue no Ginásio Municipal Pedro Ciarlini.

    O programa “Mossoró Vacina” também segue vacinando os adolescentes com 12 anos + e administrando e também está com doses disponíveis para aplicação da 2ª dose. A secretária de Saúde, Morgana Dantas reforça a importância de buscar os locais de vacinação para ser imunizado. “Todos os profissionais da saúde que completaram o seu esquema vacinal podem procurar o Ginásio do SESI neste sábado ou o Ginásio Pedro Ciarlini no domingo para tomar a sua dose de reforço”, reforçou Morgana

    O coordenador de imunizações, Etevaldo de Lima destacou ainda que o município continua realizando a busca ativa para identificar as pessoas que estão com a segunda dose em atraso e ressalta a importância de completar o esquema vacinal. “É importante lembrar que a imunização contra a Covid só pode ser considerada concluída com a 1ª e a 2ª dose.

  • Sobre ,

    Sesc Mossoró retoma projeto Letra e Música nesta sexta-feira (8)

    O projeto Letra e Música está de volta ao Sesc Mossoró, nesta sexta-feira, 8, a partir das 19h, marcando a retomada das atividades culturais com presença de público no local, seguindo protocolos de biossegurança e com limite de 300 pessoas. O evento estava suspenso desde o início da pandemia e em seu retorno contará com atração musical de Tânia Turene e Banda AkaraJazz.

    O acesso ao local é mediante apresentação do comprovante de vacinação contra a Covid-19 e do Cartão Sesc RN, nas categorias Trabalhador do Comércio, Conveniado, Público em Geral e Empreendedor. Qualquer pessoa pode se associar com anuidade a partir de R$ 9,00. Além da música ao vivo, no local haverá serviço de bar e petiscos, e a liberação para o banho na piscina.

    A ideia do Letra e Música é oferecer ao público um espaço agradável e música de qualidade, e ao mesmo tempo proporcionar aos artistas da região um palco de apresentações de seus trabalhos. A artista Tânia Turene e Banda AkaraJazz se enquadram neste perfil pelo trabalho construído ao longo dos anos com o público mossoroense.

    As atrações culturais no Sesc Mossoró seguem ao longo do mês, com o retorno também do projeto Domingo Recreativo, previsto para acontecer no dia 31 e mais duas edições até dezembro. Já o Letra e Música, tem outro planejado para novembro.

    O projeto desta sexta-feira, 8, é especial pois marcará ainda a abertura da Unidade Móvel do Sesc Saúde Mulher, que permanece em Mossoró com a meta de realizar 912 exames preventivos e 912 exames de mamografias, gratuitos.

    Quem pode ter o Cartão Sesc?

    O Cartão Sesc conta com as seguintes categorias de sócio: Trabalhador do Comércio, Conveniado, Público em Geral e Empreendedor, com anuidade a partir de R$ 9,00. Para se associar e ter direito aos serviços e produtos, basta procurar a Central de Relacionamento em qualquer unidade do Sesc RN ou procurar o Espaço Digital no site da entidade (sescrn.com.br). Em caso de dúvida, existe ainda o contato telefônio: (84) 3133 0360.

    Serviço:

    O que? Letra e Música.

    Onde? Sesc Mossoró.

    Quando? Sexta-feira (8), a partir das 19 horas.

    Atração? Tânia Turene e Banda AkaraJazz.

    Acesso apresentando o Cartão Sesc em qualquer categoria.

  • Sobre ,

    Centro de Reabilitação de Mossoró passa a contar com neuropediatria

    Foram anos de espera e sofrimento de muitas mães mossoroenses que necessitam de serviço de saúde especializado em neuropediatria para seus filhos. Finalmente, na manhã desta quinta-feira (7), o Centro Especializado em Reabilitação (CER) Benômia Maria Rebouças, no bairro Santo Antônio, iniciou os atendimentos no setor de neuropediatria.

    A unidade conta a partir de agora com o serviço especializado de médico neuropediatra contratado pela Prefeitura de Mossoró para realizar os atendimentos na unidade. “Há quatro anos espero por este serviço aqui na cidade e me sinto realizada por poder, a partir de agora, fazer as consultas do meu filho aqui na cidade pelo SUS, por que antes só tínhamos essa especialidade na rede particular”. O relato é da funcionária pública Wilma Norte, 40 anos.

    SERVIÇOS OFERECIDOS NO CER – O Centro Especializado em Reabilitação de Mossoró atende mensalmente cerca de 300 pacientes entre crianças e adultos. A unidade começou a funcionar em fevereiro deste ano. A diretora do CER, Ilse Aragão, reforça que o centro atende a pacientes de todas as idades. Os serviços oferecidos na unidade são divididos em quatro especialidades: Intelectual, Física, Auditiva e Visual. A unidade dispõe de uma equipe de multiprofissionais que inclui: neuropediatra, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, enfermeiros, assistentes sociais, entre outras especialidades.

    Os pacientes atendidos no CER apresentam, na maioria dos casos, sequelas de AVC, Parkinson, TDAH, TEA, entre outras patologias. “O serviço oferecido aqui é de grande importância, principalmente, para a famílias em vulnerabilidade social, porque é um serviço especializado e oferecido pelo SUS”, concluiu Ilse Aragão.

  • Sobre ,

    Mossoró inicia dose de reforço para profissionais da Saúde

    O programa “Mossoró Vacina”, desenvolvido pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), iniciou hoje (6) a vacinação de reforço (3ª dose) contra a Covid-19 para os profissionais que atuam na área da saúde no município. A imunização está acontecendo no Ginásio do SESI, onde também estão sendo vacinados outros grupos.

    Com a chegada de novas doses de vacina contra a Covid-19 em Mossoró, na noite de segunda-feira (4), o programa de imunização municipal também reduziu a idade para administração da dose de reforço para idosos, que antes estava atendendo a 70 anos ou mais e agora passa a vacinar com a 3ªdose idosos de 65 anos ou mais que completaram o esquema vacinal (tomaram a 1ª e a 2ª doses) há seis meses.

    Para ter acesso à dose de reforço, os profissionais, a exemplo dos idosos, devem ter completado o esquema vacinal da Covid-19 há seis meses e comprovar que estão trabalhando nas unidades hospitalares de Mossoró – hospitais e as UPAs. Além da comprovação de atuação no setor da saúde, os profissionais precisarão levar também documento com foto, comprovante de residência e cartão de vacina.

  • Sobre ,

    UPAs de Mossoró recebem treinamento para atender pacientes psiquiátricos

    A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Mossoró, através da Coordenação de Saúde Mental, vai realizar treinamentos nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) para profissionais que atuam no setor de urgência e emergência das unidades. A capacitação tem como objetivo preparar os trabalhadores da saúde para ofertar um acolhimento especializado e humanizado aos pacientes de saúde mental.

    O programa de capacitação começa nesta terça-feira, 05, na UPA do bairro Santo Antônio com um treinamento intensivo para a equipe de enfermagem, maqueiros e demais profissionais interessados.

    Na quarta-feira (6), a capacitação será destinada às equipes do Serviço Social, SAME, coordenação, direção e demais profissionais interessados.

  • Sobre ,

    “Mossoró Verde” distribui mudas de árvores neste sábado de manhã

    A distribuição de mudas à população é uma das ações previstas no programa “Mossoró Verde”, visa à arborização da cidade para proporcionar melhorias nas dimensões ambiental e climática. A ação é realizada todas as sextas-feiras e sábados, das 8h às 11h, no Parque Municipal Professor Maurício de Oliveira.

    O programa “Mossoró Verde” tem a meta de produção de 25 mil mudas por ano. “Deste total serão distribuídas 10 mil mudas à população e o plantio de 15 mil mudas por toda cidade. É um trabalho muito importante em parceria com a população. Desde que lançamos o programa nós estamos tendo o retorno da população que quer uma cidade verde, arborizada, que seja uma referência”, explicou Zildenice Guedes, gerente de Educação Ambiental.

    “Nós temos espécies disponíveis para o plantio em quintais, calçadas. Iremos orientar as pessoas no ato da distribuição das mudas”, acrescentou Zildenice Guedes.

    A distribuição acontece mediante um simples cadastro realizado. “O cadastro funciona da seguinte forma: nós anotamos nome completo, endereço, telefone para contato e o tipo de muda entregue”, explicou Dayanne Vieira, estagiária.

  • Sobre

    Inscrições abertas para a Corrida de Santa Luzia

    A largada da 14ª corrida de Santa Luzia vai ser realizada às5h30 do dia 5 de dezembro em frente à Catedral de Mossoró. Quem quiser participar, as inscrições estão abertas a partir desta sexta-feira, dia 01, e seguem até o dia 05 de novembro, pelo site www.tesportes.com.br.

    Segundo a empresa Tesportes, parceira da Paróquia de Santa Luzia e responsável pela organização da tradicional prova, várias novidades estão programadas para este ano, como a criação da categoria Kids, crianças de 05 a 13 anos, além da interdição de todo o percurso da corrida, garantido mais segurança aos competidores e ampliação dos dias para entrega dos kits de participação.

    “Será exigido dos participantes pelo menos a primeira dose da vacina contra Covid-19 e estaremos cumprindo as exigências das autoridades sanitárias como a utilização da máscara, só retirando na hora da largada, além da utilização do álcool e gel”, informou Sebastião Lucena, mais conhecido como Tião da Tesportes.

    Conforme o regulamento da corrida, o percurso terá duas distâncias: 5 km e 10 km, com participação de pessoas de ambos os sexos. A idade mínima para participação é de 14 anos (5 km) e 18 anos (10 Km).

    A organização está comercializando o primeiro lote, com inscrição no valor de R$ 80.

    Na corrida Kids podem participar crianças dos 5 aos 13 anos. Esse grupo fará um percurso de 50 a 200 metros, não havendo premiação, mas, sim, medalhas como forma de incentivo à prática esportiva.

    Os atletas inscritos terão duas opções de Kits: Kit completo (camiseta, número no peito, chip, sacola e medalha) e o Kit medalha (número no peito, chip, sacola e medalha).

    Regulamento, informações e a própria inscrição no site da Tesportes.

  • Sobre ,

    Katharina Gurgel apresenta show “Vaca Profana” hoje em Mossoró

    A Praça Cícero Dias, localizada em frente ao Teatro Municipal, será palco do show de Katharina Gurgel, neste 30 de setembro, feriado municipal da Liberdade em Mossoró. A cantora se apresenta com o show “Vaca Profana”, em homenagem à vida e carreira de Gal Costa. A apresentação começa a partir das 20h e será aberta ao público. O show terá participação da cantora mossoroense Bia Gurgel, que é filha de Katharina e participou do reality The Voice Kids. O projeto foi contemplado pela Lei Aldir Blanc da Prefeitura de Mossoró por meio da Secretaria Municipal de Cultura.

    A artista de múltiplas facetas Katharina Gurgel, que também é escritora e produtora cultural, traz entre suas principais raízes de formação musical a cantora baiana Gal Costa. O show que será apresentado hoje é dedicado a uma das principais artistas brasileiras, que completou 76 anos de idade no dia 26 de setembro. Gal Costa tem uma trajetória expressiva na música ao longo de mais de 55 anos de carreira. “Vaca Profana” é um dos principais sucessos da carreira de Gal Costa. A canção fez parte do álbum “Profana”, lançado em novembro de 1984.

    Com 30 anos de carreira contados desde que subiu pela primeira vez ao palco do Teatro Alberto Maranhão para cantar profissionalmente, aos 18 anos de idade, Katharina Gurgel terá o desafio de reverenciar um dos seus principais ídolos com repertório de 21 músicas que marcaram gerações. O reencontro da artista com o público será ainda mais especial com a participação da cantora Bia Gurgel, que é filha de Katharina. Bia foi nossa representante na 6ª temporada do reality The Voice Kids.

    “Eu acho que nada melhor do que no dia que Mossoró comemora seu marco maior da liberdade,  30 de setembro, a gente cantar Gal Costa com toda a sua irreverência, com toda a sua vitalidade e fazer uma homenagem a grande artista que é ela. Minha filha Bia Gurgel vai ser uma das atrações principais dessa noite. Ela vai fazer uma participação especial cantando comigo. Já me emociono só de falar nisso porque Bia é uma grande cantora, apesar da pouca idade, mas com uma maturidade muito grande”, ressaltou Katharina.

    O show será na Praça Cícero Dias, em frente ao Teatro Municipal Dix-huit Rosado, a partir das 20h. Katharina Gurgel será acompanhada pelos músicos Vivi (teclados), Carlinhos (bateria e percussão), Jarade (violão e guitarra) e Glefesson (sax). O show “Vaca Profana” foi um dos projetos aprovados no edital de chamamento público nº 005/2020 da Lei Aldir Blanc da Prefeitura Municipal de Mossoró, via Secretaria Municipal de Cultura.

    A entrada é gratuita. O uso de máscara é obrigatório para o público que vai prestigiar a apresentação na Praça Cícero Dias.

    Serviço:

    Show: Vaca Profana – Katharina Gurgel canta Gal Costa

    Quando: Quinta-feira, 30 de setembro (feriado municipal)

    Local: Praça Cícero Dias, localizada em frente ao Teatro Municipal Dix-huit Rosado

    Horário: 20h

  • Sobre ,

    Governo se instala em Mossoró e anuncia autonomia financeira da UERN

    A governadora Fátima Bezerra (PT) e o vice-governador Antenor Roberto (PCdoB) instalaram no início desta terça-feira (28) a sede temporária da administração estadual em Mossoró. A transferência do Governo para a segunda maior cidade do estado foi autorizada pela Assembleia Legislativa e é realizada no período de 28 a 30 de setembro como uma forma de aproximar a gestão e as políticas públicas do cidadão. Também é uma forma de comemorar os 138 anos de libertação dos escravos que ocorreu no município em 30 de setembro de 1883, cinco anos antes da Lei Áurea. 

    Na sede da reitoria da Universidade Estadual do RN (Uern), a governadora destacou a agenda a ser cumprida nas diversas áreas da administração – desenvolvimento rural e agricultura familiar, saúde, educação, ação social, cultura, direitos humanos, segurança e administração – e anunciou que, após sancionar o projeto de Lei aprovado pelo Legislativo estadual que acaba com a lista tríplice na eleição para reitor da UERN, vai enviar nos próximos dias projeto de Lei para conceder autonomia financeira à universidade estadual.

    “Isto significa estabilidade. A Uern que tem 53 anos de existência, 15 mil alunos, mais de 40 mil formados, vai poder gerir os próprios recursos. Diante da grandeza destes números, quero dizer que a maioria atendida pela nossa universidade é de filhos e filhas de gente pobre, que tiveram o direito de se preparar para a vida e para o mundo do trabalho. É preciso continuar prestando serviço tão relevante”, considerou a governadora.

    A governadora destacou as iniciativas tomadas no enfrentamento à pandemia da covid-19. Lembrou da rede montada com 850 leitos, o que equivale a 8 hospitais de campanha e com a vantagem destes leitos ficarem incorporados ao SUS.
     
    Ela também se referiu à recuperação fiscal, financeira e da capacidade de investimentos. “Estamos atraindo cada dia mais novos investimentos. O RN está assumindo o protagonismo na área de energias renováveis. Somos hoje o maior produtor nacional em energia eólica, temos 190 parques em instalação, em 2021 captamos R$ 13 bilhões em investimentos eólica e solar. O Idema agiliza licenças ambientais e pode ser o primeiro estado a produzir energia eólica offshore (no mar), pois já temos projeto piloto para produzir hidrogênio verde e para armazenamento e energias”, disse.
     
    Principais eventos em Mossoró
     
    – Posse na UERN
     
    Assembleia Universitária e posse da reitora Cicília Maia e do vice-reitor Francisco Dantas eleitos pela comunidade acadêmica.
     
    – Visita ao Hospital Regional Tarcísio Maia, referência para região Oeste, em especial para atendimento de urgência/emergência.
     
    – Visita ao Hospital da Mulher.

    – Regularização Fundiária
     
    Governadora assina Termo de Autorização para Regularização de 6.315 moradias, beneficiando 25,3 mil pessoas que moram nos conjuntos habitacionais Liberdade I e II, Santa Delmira I e II,
    Redenção II, Resistência, Independência I e II e Abolição I, II, III e IV.
     
    – Agricultura Familiar (CredMais)
     
    Em Mossoró, a governadora Fátima Bezerra fará entrega R$ 200 mil em microcréditos do Programa Estadual de Microcrédito da Agricultura Familiar (CredMais); assina termo de fomento e entrega carro para a Rede Xique Xique. As iniciativas são executadas pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Rural da Agricultura Familiar (Sedraf), Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater) e Agência de Fomento (AGN).
     
    – Desenvolvimento econômico 
     
    Entrega das licenças das perfurações de novos poços, marcando a retomada dos investimentos de Petróleo e Gás no Rio Grande do Norte. Neste ano de 2021, a empresa Potiguar E&P, que adquiriu os poços da Petrobras, investiu R$ 190 milhões nas operações de extração, gerando mais de 230 empregos, R$ 250 milhões em arrecadação de impostos e R$ 90 milhões em pagamento de royalties.
     

  • Sobre ,

    Sessão solene homenageia 53 anos da UERN

    A emoção marcou o pronunciamento da deputada Isolda Dantas (PT) ao abrir o ato solene realizado na tarde desta segunda-feira (27), por sua proposição, no plenário da Câmara Municipal de Mossoró, para comemorar os 53 anos da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) que transcorre amanhã.

    “É muita emoção. Passa um filme na minha cabeça lembrando essa luta em favor da UERN desde os tempos de estudante. Sei no fundo da minha alma o que significa para mim e para os estudantes de hoje. Minha vida foi transformada por esta universidade. Uma história que se consolidou ao longo desse tempo promovendo o desenvolvimento de todo o Rio Grande do Norte. Em todos os 167 municípios do Estado têm estudante desta Universidade”, disse a deputada Isolda.

    A parlamentar disse ainda que a UERN abre caminhos para a Liberdade e para a Educação e que os estudantes não precisam apenas entrar na Universidade, mas fazer parte dela, porque a UERN se preocupa com isso. “Sou filha da UERN e hoje uma professora do Rio Grande do Norte formada por esta Universidade. Quem é contra ela é contra Mossoró e o Rio Grande do Norte”, enfatizou a deputada.

    Falaram ainda na solenidade, o presidente da Câmara, vereador Lawrence Amorim e o vice-prefeito de Mossoró João Fernandes de Melo, que também destacaram o papel da Universidade no cenário educacional do Rio Grande do Norte.

    Ainda na solenidade foram entregues placas comemorativas a professores, dirigentes e estudantes da UERN. Em nome dos homenageados falou a Reitora eleita e nomeada para o quadriênio 2021-2025, professora Cicília Raquel Maia Leite que destacou que a Universidade é uma máquina realizadora de sonhos. “Vamos continuar fazendo a diferença em um trabalho coletivo” afirmou.

    A história

    Criada em 1968 como uma Universidade Municipal, a UERN é hoje uma referência no ensino universitário do Estado, oferecendo 32 cursos de graduação onde estão matriculados cerca de 12 mil alunos, de vários estados, notadamente do Rio Grande do Norte, Ceará e Paraíba distribuídos no Campus Central, em Mossoró e nos campi avançados em Assu, Pau dos Ferros, Patu, Natal, Caicó e Apodi, que foi criado mais recentemente. 

    A Universidade conta ainda com 11 núcleos de Educação Superior que se localizam em Areia Branca, Apodi, Caraúbas, Umarizal, São Miguel, Alexandria, João Câmara, Touros, Macau, Nova Cruz e Santa Cruz.  A cada ano, a Instituição admite cerca de 2,5 mil alunos, distribuídos pelas 90 opções de entrada.

    A UERN tem hoje 32 cursos de graduação, nos quais estão matriculados quase 12 mil alunos e oferece diversos cursos de pós-graduação, frequentados por mais de mil estudantes, 12 cursos de mestrado (Física, Ciência da Computação, Letras, Ciências Naturais, Educação, Ciências Sociais e Humanas, Saúde e Sociedade, Ensino, Serviço Social e Direitos Sociais, Bioquímica e Biologia Molecular, Profissional em Letras, Planejamento e Dinâmicas Territoriais do Semi-árido), dois cursos de Doutorado (Bioquímica e Biologia Molecular, Letras) além da oferta de dois cursos de Residência Médica em Medicina de Família e Comunidade, Ginecologia e Obstetrícia e uma Residência Multiprofissional.  

    Na área de pesquisa, a instituição conta com 64 grupos cadastrados, envolvendo 430 professores-pesquisadores. A UERN é mantida pela Fundação Universidade do Estado do Rio Grande do Norte – FUERN.

  • Sobre

    Programa “Mossoró Verde” pretende plantar 25 mil árvores por ano

    Melhorar a arborização e proporcionar um bem-estar climático e ambiental. Esse é o objetivo do programa “Mossoró Verde”, lançado na tarde dessa quinta-feira, 23, no Parque Municipal Maurício de Oliveira.

    A iniciativa da Prefeitura de Mossoró prevê a produção de 25 mil mudas por ano e distribuição de 10 mil mudas por ano à população, além da ocupação de áreas verdes por toda a cidade. As ações serão executadas em parceria com as secretarias municipais, dentre elas: plantio de mudas em praças, canteiros centrais, unidades básicas de saúde, escolas e outros equipamentos municipais.

    São ações que visam gerar melhorias na qualidade de vida da população. “Nós vamos realizar um trabalho para arborização de Mossoró que envolve a produção e distribuição de mudas para beneficiar toda a população. Além de arborizar os nossos equipamentos públicos, as pessoas ainda vão participar do processo, contribuindo, nos ajudando, levando para a sua casa uma muda para também fomentar o desenvolvimento. Nós estamos apresentando também o “Amigo Verde”, uma iniciativa onde as pessoas irão ser parceiras, cuidando de praças, árvores em canteiros.”, explicou Allyson Bezerra, prefeito de Mossoró.

    O programa “Mossoró Verde” irá dotar em até 4 anos os canteiros centrais de vegetação nativa. “Nós vamos trabalhar com as seguintes frentes: produção, distribuição, plantio e zona rural. Nossa intenção é arborizar campo e cidade. Uma cidade mais arborizada promove melhorias na qualidade de vida e ainda a preservação da biodiversidade como um todo. A cidade mais arborizada vai ser importante para mitigar os efeitos das mudanças climáticas”, frisou Zildenice Guedes, gerente de Educação Ambiental.

    A solenidade de lançamento contou com a presença do prefeito, vice-prefeito, secretários municipais, vereadores, representantes de universidades, entidades, instituições públicas e privadas, servidores do município e visitantes do Parque Maurício de Oliveira.  Na ocasião, ainda foi promovido plantio de mudas e apresentação cultural do poeta Antônio Francisco, destacando as nossas potencialidades naturais por meio de sua arte.

Carregar...
Congratulations. You've reached the end of the internet.