Últimas histórias

  • Sobre , , , , , ,

    Confira o horário de funcionamento do Parque das Dunas e do Cajueiro de Pirangi durante o Carnaval

    O Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente – Idema informa os horários de funcionamento do Parque Estadual Dunas do Natal “Jornalista Luiz Maria Alves, em Natal, e do Cajueiro de Pirangi, em Parnamirim, durante o feriado de Carnaval.

    O Parque das Dunas funcionará normalmente no fim de semana, sábado (10) e domingo (11). Já na segunda (12) e terça-feira (13), a unidade estará fechada ao público. Na quarta-feira de Cinzas, dia 14, o Parque abrirá a partir das 12h até às 17h.

    O Cajueiro de Pirangi funcionará do dia 10 a 13 de fevereiro, das 7h30 às 13h. Na quarta-feira de Cinzas, dia 14, o Cajueiro funcionará normalmente, das 7h30 às 17h30.

    Confira os horários:

    • Parque das Dunas

    Dias: 10 e 11/02 (sábado e domingo) – Aberto (7h30 às 17h)

    Dias: 12 e 13/02 (segunda e terça-feira) – Fechado

    Dia: 14/02 (quarta-feira) – Abre a partir das 12h

    Entrada: R$ 1

    • Cajueiro de Pirangi

    Dias: 10 a 13/02 (sábado a terça-feira)

    Horário: Aberto (7h30 às 13h)

    Dia: 14/02 (quarta-feira)

    Horário: Aberto (7h30 às 17h30)

    Entrada: R$ 8 (meia entrada para crianças, estudantes, professores e idosos, portando carteira comprobatória).

  • Sobre , , ,

    Música e contação de histórias de Burkina Faso celebram 20 anos da Casa Mãe Terra no Parque das Dunas neste sábado (19)

    Neste sábado (19), uma tarde inteira de programação gratuita, no Parque das Dunas, celebra os 20 anos de construção da escultura Casa Mãe Terra. O evento conta com apresentação do grupo Nação Zamberacatu e dos artistas de Burkina Faso, François Moïse Bamba e Konomba Traoré. A ação faz parte da residência artística internacional “Dunas – Territórios de criação colaborativa”.

    A partir das 14h30, os batuqueiros da Nação Zamberacatu, primeira nação de maracatu do Estado, realizam um cortejo musical pelo parque, com início em frente à Casa Mãe Terra. Em seguida, às 16h, no anfiteatro Pau-Brasil, acontece o espetáculo “Contos e lendas do Burkina Faso”, com François Moïse Bamba, contador de histórias, ator e promotor cultural de Burkina. A apresentação é um convite a viajar na riqueza das culturas de tradição oral da África Ocidental.

    O espetáculo é em francês, com tradução em cena de Laura Tamiana, e vai contar ainda com a participação de Konomba Traoré, reconhecido como tesouro vivo pela arte do balafon, músico multi-instrumentista e luthier, uma personalidade de referência nas tradições de Burkina Faso e que vai trazer para o ambiente da Mata Atlântica, dentro do Parque das Dunas, a ancestralidade cultural das savanas africanas.

    Através das histórias, pontuadas de momentos musicais, os espectadores poderão embarcar em um encontro com os povos desse país para um momento de partilha de suas culturas, suas histórias, suas crenças, seus valores e suas visões de mundo, para um enriquecimento mútuo, no respeito às diferenças. A apresentação em Natal acontece através da Ba-kô Burkina Brasil, uma ponte cultural e artística criada por François e Laura, que desde 2017 realiza ações entre os dois países.

    CASA MÃE TERRA

    Instalada há duas décadas, no coração do Parque das Dunas, a escultura, “Casa Mãe Terra”, foi concebida por Maurício Panella, tendo como inspiração as tradições indígenas e casas de adobe do Brasil e da África do Oeste. A obra foi criada em comemoração a vinda do pensador francês Edgard Morin ao Brasil, a partir de um convite do Grupo de Estudos da Complexidade (UFRN), do qual Panella foi pesquisador. A inauguração foi realizada em 12 de outubro de 2003.

    O processo de construção foi colaborativo. Inicialmente erguida com varas, a estrutura ganhou vida com o acréscimo de barro, moldado não apenas por Maurício Panella, mas também por frequentadores do Parque das Dunas. Como toque final, a Casa Mãe Terra foi revestida com um mosaico de telhas, transformando-se em uma figura completa, quase como uma pele que envolve sua essência.

    Em 2016, após quase um ano de interdição devido à ameaça de deterioração, a escultura necessitou de uma restauração. Foi nesse momento que surgiu a ideia do programa museal “Jornada no Bosque”, trazendo consigo a promessa de revitalizar não apenas a obra física, mas também a conexão emocional entre a comunidade e o parque.

    Nos últimos anos, a escultura adquiriu novos papéis, servindo como cenário virtual no jogo “Jornada no Bosque” e como tela para espetáculos de projeções mapeadas.

    A residência artística “Dunas – Territórios de criação colaborativa” é um projeto apresentado pelo Ministério da Cultura através da Lei Federal de Incentivo à Cultura com patrocínio da Ticket Log e Edenred Brasil. Conta com apoio do Governo do RN, Idema, Parque das Dunas, Fundação José Augusto, Ba-kô Burkina Brasil, Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Instituto Ágora, Departamento de Artes da UFRN (DEART), Departamento de Comunicação da UFRN (DECOM) e Pró-Reitoria de Extensão da UFRN (PROEX).

    A programação cultural conta também com patrocínio da Prefeitura do Natal e incentivo do Colégio CEI e Sicoob através da Lei Municipal de Incentivo à Cultura Djalma Maranhão. A produção é do programa museal Jornada no Bosque e do Instituto e Estúdio Casadágua.

    SERVIÇO:
    Celebração 20 anos Casa Mãe Terra
    19 de agosto, a partir das 14h30, no Parque das Dunas
    Acesso ao Parque: R$ 1,00

  • Sobre ,

    “O Reizinho Mandão” e Eduardo Taufic Trio animam o domingo no Parque das Dunas

    O Bosque Encena deste domingo (16), às 10h, recebe o grupo Teart de Teatro com o espetáculo “O Reizinho Mandão”, a história de um rei autoritário que reprime o povo utilizando o medo como um instrumento poderoso. Baseado na obra de Ruth Rocha, a peça reflete sobre a liberdade de expressão, a consciência crítica, o sentido de justiça e a capacidade de reflexão, tudo isso tratado de forma lúdica para encantar o público de todas as idades.

    No período da tarde, às 16h30, o Som da Mata recebe o pianista, compositor e arranjador Eduardo Taufic, a contrabaixista Mônica Michelly e o baterista Darlan Marley, juntos formam o Eduardo Taufic Trio. Para este show, o Trio apresentará clássicos do Jazz e MPB em releituras especiais, além dos trabalhos autorais.

    O grupo de jazz brasileiro se destaca pela originalidade e estética criativa dos arranjos, pelas releituras emocionantes de clássicos da MPB e do Jazz. O encontro desses três amigos apaixonados pela arte de tocar resulta sempre em uma apreciável obra prima. Admirados por todo tipo de público, especializado ou não em música instrumental, o trio faz música que emociona, que vem do coração, que vai da extrema sutileza à mais delirante explosão de sons. Em 2009, o ETT registrou em DVD seu show de estreia, sendo considerado como um dos melhores grupos de Jazz brasileiro na última década pela crítica especializada.

    Os eventos são gratuitos e acontecem no Anfiteatro Pau-brasil. A entrada no Parque das Dunas custa apenas 1 real.

    O projeto Bosque Encena e Som da Mata acontecem graças à renúncia fiscal da Prefeitura do Natal, através da Lei Djalma Maranhão e do aporte financeiro da Unimed Natal, além do apoio do Governo do Estado através do Idema e da Padaria Hora do Pão.

    Programação

    Dia: 16/07 (domingo)

    · Bosque Encena com o espetáculo “O Reizinho Mandão”

    Horário: 10h

    Local: Parque das Dunas, no Anfiteatro Pau-Brasil

    · Som da Mata apresenta o show de Eduardo Taufic Trio

    Horário: 16h30

    Local: Parque das Dunas, no Anfiteatro Pau-Brasil

    Acesso ao Parque: R$ 1,00

  • Sobre

    Parque das Dunas promove Semana da Mata Atlântica de 25 a 27 de maio

    O Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (Idema), por meio do Parque Estadual Dunas do Natal “Jornalista Luiz Maria Alves”, promoverá a Semana Estadual da Mata Atlântica de 25 a 27, na sede da Unidade de Conservação.

    No próximo sábado (27), comemora-se o Dia Nacional da Mata Atlântica. Esse bioma abriga uma grande diversidade de espécies de fauna e flora, incluindo várias ameaçadas de extinção. Sua preservação é essencial para manter a biodiversidade local, garantindo a sobrevivência de espécies importantes para o equilíbrio dos ecossistemas e para o potencial de pesquisa científica e bioprospecção.

    Nos dias 26 e 27, ocorrerá o minicurso Observação de Aves, ministrado pelo biólogo Jonas Filho. Como observador de aves desde maio de 2020, ele registrou mais de 350 espécies no Wikiaves, em 8 estados e 45 municípios diferentes. Os interessados podem se inscrever gratuitamente AQUI.

    A gestora do Parque das Dunas e presidente do Conselho Nacional da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica (CN-RBMA), Mary Sorage, destaca a importância desse bioma para o nosso estado. “A preservação da Mata Atlântica é um investimento no nosso futuro e do planeta. É um compromisso com a proteção da biodiversidade, a mitigação das mudanças climáticas, a segurança hídrica e a qualidade de vida das gerações presentes e futuras. Preparamos uma programação voltada para crianças e adultos, com uma variedade de atividades que buscam sensibilizar e envolver as pessoas na conservação desse bioma”, afirmou a gestora.

    Parque das Dunas

    A Unidade é reconhecida pela UNESCO como parte integrante da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica Brasileira. Essa Unidade é considerada o maior parque urbano sobre dunas do Brasil e desempenha um papel fundamental na qualidade de vida da população natalense, contribuindo tanto na recarga do lençol freático da cidade quanto na purificação do ar. Seu ecossistema de dunas é rico e diversificado, abrigando uma fauna e flora de grande valor bioecológico, incluindo diversas espécies em processo de extinção.

    Programação

    • Trilha dos sentidos

    Dias: 25 a 27/05 (quinta a sábado)

    Horário: 08h às 11h e 14h às 16h30

    • Minicurso Observação de Aves

    Dia: 26/05 (sexta-feira) – 14h – Curso teórico

    Dia: 27/05 (sábado) – 6h30 – Atividade prática

    Ministrante: Jonas Filho

    – Inscrições – AQUI

    • Trilha de Observação de Aves – Perobinha

    Dias: 25 e 26 (quinta e sexta-feira)

    Horário: 08h

    • Palestra do Ibama: o papel do Cetas com aves da Mata Atlântica

    Dia: 25/05 (quinta-feira)

    Horário: 08h às 11h

    • Roteiros pedagógicos com escolas do entorno do Parque

    Dias: 25 e 26 (quinta e sexta-feira)

    Horários: 08h às 11h e 14h às 16h30

  • Sobre ,

    II Encontro de Repentistas acontece hoje (12) no Santuário de Nossa Senhora de Fátima

    A Viola vai tomar conta nesta sexta-feira (12). A Paróquia Santuário de Nossa Senhora de Fátima promove, em prol da construção do Santuário e da réplica da capela da aparição de Nossa Senhora de Fátima, o II Encontro de Repentistas, com apoio da Prefeitura do Natal através de emenda parlamentar municipal. A entrada é franca e o projeto faz parte do “Circuito de Cantorias – Natal de Repente”.

    A partir das 20h, grandes nomes da poética nordestina sobem ao palco. Cantadores, cancioneiros e declamadores terão uma dinâmica diferenciada na apresentação. Cantadores da velha e da nova geração se farão presentes nesta noite voltada a muita poesia improvisada e devoção a Nossa Senhora de Fátima. A coordenação é do poeta natalense e violeiro Felipe Pereira. 

    II Encontro de Repentistas 
    Data: 12 de maio de 2023 
    Local: Paróquia Santuário de Nossa Senhora de Fátima, Parque das Dunas
    Horário: 20h 
    Repentistas: Ivanildo Vila Nova, Raimundo Caetano, Antonio Lisboa, Rogério Meneses, Jomaci Dantas, Edvaldo Zuzu, Daniel Olímpio, André Santos, Helânio Moreira, Raimundo de Oliveira, Pedro Paulo, Raimundo Sobrinho e Jonas Bezerra Cancioneiro: Josival Viana Apresentador: Poeta Felipe Pereira Declamador: Iponax Vila Nova.

  • Sobre ,

    Conselho Gestor do Parque das Dunas está com inscrições abertas para novos integrantes

    O Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente – Idema publicou no Diário Oficial do Estado (DOE) dessa sexta-feira (05), o Edital nº 04/2023 convidando as Instituições da Sociedade Civil interessadas para participar do Processo de Renovação Conselho Gestor do Parque Estadual Dunas do Natal “Jornalista Luiz Maria Alves” – Mandato de 2023-2025.

    Os interessados têm 30 (trinta) para se inscreverem e indicarem representantes dos seguintes segmentos: entidades não governamentais; instituição de ensino e pesquisa que tenha atuação na área do Parque; Organização Não Governamental – ONG; ambientalista atuante na área no município de Natal; associação de moradores do município de Natal; conselhos comunitários de Natal; entidade representante do segmento de Turismo: 2023-2025.

    As instituições devem efetuar a inscrição por meio do e-mail: conselhogestorparquedasdunasrn@gmail.com, ou na sede do Conselho Gestor, localizada no Bosque dos Namorados, na Av. Alm. Alexandrino de Alencar, s/n° – Tirol – Natal, de segunda a sexta, das 08h às 12h.

    No ato da inscrição deverá ser apresentada a seguinte documentação:

    a) Comprovação da localização da sede;

    b) Cópia do estatuto da entidade, devidamente registrado em cartório até a data do cadastro;

    c) Cópia da ata ou documento legal da constituição da diretoria atual ou representante legal;

    d) Indicação dos membros pelo presidente ou diretor, devidamente habilitado, constando: segmento do conselho que deseja representar, nome da instituição e do(s) representante(s) indicado(s).

    Mais informações pelo e-mail conselhogestorparquedasdunasrn@gmail.com ou pessoalmente no Bosque dos Namorados.

  • Sobre

    Bilheteria do Parque das Dunas passa a aceitar pagamento por PIX

    O Parque Estadual Dunas do Natal “Jornalista Luiz Maria Alves” modernizou o sistema de aquisição da entrada ao local. O espaço passa a receber o pagamento dos bilhetes por meio de PIX, com o objetivo de oferecer mais condições e comodidade na hora da compra para os visitantes.

    De acordo com a gestora do Parque, Mary Sorage, a iniciativa, sem dúvida, facilitará a aquisição dos ingressos. “As pessoas têm se acostumado a passear sem dinheiro em espécie. É uma tendência mundial, até por questões de segurança. Com a disponibilidade do PIX solucionaremos a questão de troco, que era uma demanda antiga, e daremos mais uma opção de pagamento para aqueles visitantes que muitas vezes deixam de usufruir esse espaço maravilhoso por não terem dinheiro”, comentou a gestora.

    O Parque das Dunas é aberto de terça-feira a domingo, inclusive em feriados, das 7h30 às 17h. É fechado nas segundas-feiras, para manutenção. O valor de entrada custa 1 real. São isentos de pagamento: crianças de até cinco anos, adultos acima de 60 anos, escoteiros uniformizados e escolas públicas (estas devem agendar a visita).

    Carteira de Coopista

    Para quem deseja adquirir a Carteirinha de Coopista, ela pode ser feita pela internet, através do site parquedasdunas.rn.gov.br, e, presencialmente, no Setor de Informações da Unidade de Conservação. O documento permite o acesso de praticantes de caminhada e corrida a partir das 5h, antes de abrir os portões para o público em geral, todos os dias, mesmo nas segundas-feiras quando o Parque é fechado para visitantes.

    A carteira custa R$ 20,00 (vinte reais) e deve ser renovada anualmente, com exceção da Carteira Permanente que é emitida para pessoas com idade superior a 60 anos.

    Parque das Dunas

    Administrado pelo Governo do Estado, por meio do Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente – Idema, o Parque das Dunas é reconhecido pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) como parte integrante da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica Brasileira. Ele é considerado o maior parque urbano sobre dunas do Brasil, exercendo fundamental importância para a qualidade de vida da população natalense.

    O setor de uso público é o Bosque dos Namorados, ocupando uma área aproximada de sete hectares, com mais de mil e trezentas árvores nativas da Mata Atlântica.

  • Sobre

    Parque das Dunas e Cajueiro de Pirangi funcionarão normalmente durante a Semana Santa

    O Parque Estadual Dunas do Natal “Jornalista Luiz Maria Alves” e o Cajueiro de Pirangi, ambos administrados pelo Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente – Idema não sofrerão alterações no horário de funcionamento, sendo alternativas de lazer durante o feriado de Semana Santa.

    O Parque funcionará normalmente (das 7h30 às 17h) todos os dias, fechando as portas apenas na segunda-feira (10), onde passará por rotineira manutenção. Já o Cajueiro de Pirangi funcionará das 7h30 às 17h30.

    Serviço:

    Parque das Dunas
    Dias 06, 07, 08 e 09: das 7h30 às 17h
    Entrada: R$1,00

    Cajueiro de Pirangi
    Dias 06, 07, 08 e 09: das 7h30 às 17h30
    Entrada: R$8,00 (crianças de sete a 12 anos pagam meia-entrada, assim como estudantes, professores e idosos, portando carteira comprobatória).

    Mais informações:

    Cajueiro de Pirangi: (84) 3113.6191 – maiorcajueirodomundo@gmail.com

    Parque das Dunas: (84) 3113.6184 – parqueestadualdasdunasrn@gmail.com

  • Sobre

    Confira o funcionamento do Parque das Dunas e Cajueiro de Pirangi durante os feriados

    O Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente – Idema informa o horário de funcionamento do Parque Estadual Dunas de Natal “Jornalista Luiz Maria Alves”, em Natal, e do Cajueiro de Pirangi, em Parnamirim, durante as festividades de final de ano. As Unidades são administradas pelo órgão ambiental.

    Confira os horários:

    · Parque das Dunas

    24/12 – Funciona até às 13h

    25/12 – Fechado

    31/12 – Funciona até às 13h

    01/01 – Fechado

    Entrada: 01 Real

    · Cajueiro de Pirangi

    24/12 – Funciona até às 17h

    25/12 – Fechado

    31/12 – Fechado

    01/01 – Fechado

    Entrada: 08 Reais (meia entrada para crianças, estudantes, professores e idosos, portando carteira comprobatória).

  • Sobre

    Parque das Dunas recebe as apresentações do Príncipe Feliz e do Duo Treze Cordas neste domingo (25)

    Neste domingo (25), às 10h, o Príncipe Feliz volta ao palco do Bosque Encena para cantar e dançar os maiores sucessos da música infantil. Com Décio Santiago no vocal, Jorge Luis e Fabio Batista nas guitarras, Anderson França no contrabaixo e Leonardo Rocha na bateria.

    Um espetáculo para toda a família! Chama todo mundo e vem se divertir!

    Já o próximo Som Da Mata, às 16h30, recebe o Duo Treze Cordas, formado pelos professores Degivaldo Avelino (violão 7 cordas) e Guido Alves (violão), da cidade de Mossoró. O Duo teve seu início em 2013, e busca no swing da música brasileira e no refinamento da técnica violonista um acabamento de excelência nas peças executadas.

    Com repertório de músicas e compositores brasileiros que transitam entre Sivuca, Antônio Carlos Jobim, Luiz Gonzaga e Heitor Villa-Lobos, o duo torna presente, em todo show, a diversidade musical brasileira, pois direcionam o repertório para peças originais e arranjos de compositores que são referências para estudantes de violão, como: Tico-tico no Fubá (Zequinha de Abreu); Jorge do Fusa (Garoto); Bate Coxa (Marco Pereira); João e Maria (Chico Buarque); Juazeiro (Luiz Gonzaga); Sons de Carrilhões (João Pernambuco), dentre outros.

    O Duo tem realizado apresentações em eventos em várias cidades do RN (Upanema, Carnaubais, Caraúbas, Pau dos Ferros, Caicó, Grossos) e do Ceará (Jaguaruana e Canoa Quebrada).

    Os projetos Bosque Encena e Som da Mata acontecem graças à renúncia fiscal da Prefeitura do Natal através da Lei Djalma Maranhão e do aporte financeiro da Unimed Natal e Arena Das Dunas, além do apoio do Governo do Estado através do Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente – Idema e da Padaria Hora Do Pão. Produção Bosque Encena e Som da Mata: SADEPAULA Produções Criativas.

    Programação

    Dia: 25/09 (domingo)

    • Bosque Encena com o espetáculo Príncipe Feliz
      Horário: 10h
      Local: Parque das Dunas, no Anfiteatro Pau-Brasil
    • Som da Mata com o show do Duo Treze Cordas
      Horário: 16h30
      Local: Parque das Dunas, no Anfiteatro Pau-Brasil
      Acesso ao Parque: R$ 1,00 – Os espetáculos são gratuitos!
  • Sobre

    Parque das Dunas e Cajueiro funcionam normalmente no feriado

    O Parque Estadual Dunas de Natal “Jornalista Luiz Maria Alves” e o Cajueiro de Pirangi, ambos administrados pelo Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente – Idema, funcionam normalmente durante o Feriado Nacional da Independência, em 7 de setembro (quarta-feira).

    Confira os horários:

    Parque das Dunas
    Horário de funcionamento: 7h30 às 17h
    Entrada: 1 real

    Cajueiro de Pirangi
    Horário de funcionamento: 8h às 17h30
    Entrada: 8 reais (meia entrada para crianças, estudantes, professores e idosos, portando carteira comprobatória).

  • Sobre ,

    “A Brincadeira vai começar” e “Femme Jazz” são as atrações do Parque das Dunas neste domingo (28)

    Finalizando o mês de agosto com muita diversão, música e teatro no Parque das Dunas, em Natal, no próximo domingo (28), o Bosque Encena apresenta os palhaços Bisteca & Bochechinha, às 10h, com o grupo Brinquedos e Brincadeiras, trazendo o espetáculo “A Brincadeira vai começar”.

    A apresentação aborda em seu enredo a preservação da magia do Circo, através de números clássicos, músicas autorais e a participação do palhaço Peteca. Um show dinâmico e interativo para toda família.

    Já o Som da Mata recebe, às 16h30, o Femme Jazz, combo de música instrumental formado exclusivamente por mulheres criado durante a pandemia da Covid-19 graças aos recursos da Lei Aldir Blanc, com um repertório diversificado que vai da Bossa Nova ao Jazz, não se limitando a outros gêneros musicais brasileiros.

    O grupo conta com 7 musicistas experientes no cenário musical da Região Metropolitana de Natal, divididas entre instrumentistas de sopro e seção rítmica, são elas Jackeline França (sax tenor e barítono), Raquel Oliveira (sax alto e soprano), Alessandra Linhares (trombone), Raissa Oliveira (trompete), Mônica Michelly (baixo elétrico), Priscilla Matos (teclado) e para essa apresentação convidam Bruno Lucas (bateria).

    O Femme Jazz tem como intuito fomentar e fortalecer o engajamento da mulher no meio musical, principalmente em instrumentos e ritmos em que há predominância histórica masculina, promovendo a participação ativa de tais musicistas no cenário musical potiguar.

    Desde sua formação vem se destacando e ganhando os palcos participando de eventos e festivais como o MulhAres – Festival de Mulheres Sopristas do RN e o Natal Instrumental promovido pelo combo cultural DoSol.

    Os projetos Bosque Encena e Som da Mata acontecem graças à renúncia fiscal da Prefeitura do Natal através da Lei Djalma Maranhão e do aporte financeiro da Unimed Natal e Arena das Dunas, além do apoio do Governo do Estado através do Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente – Idema e da Padaria Hora do Pão.

    Produção Bosque Encena e Som da Mata: SADEPAULA Produções Criativas.

    Programação

    Dia: 28/08 (domingo)

    • Bosque Encena com o espetáculo A Brincadeira vai começar

    Horário: 10h

    Local: Parque das Dunas, no Anfiteatro Pau-Brasil

    • Som da Mata com as musicistas do Femme Jazz

    Horário: 16h30

    Local: Parque das Dunas, no Anfiteatro Pau-Brasil

    Acesso ao Parque: R$ 1,00 – Os espetáculos são gratuitos

    Foto: Luana Tayze

Carregar...
Congratulations. You've reached the end of the internet.