Últimas histórias

  • Sobre ,

    DoSol retoma atividades presenciais com mais de 50 shows previstos em abril e maio

    Os meses de abril e maio serão de muita música, cultura e encontros presenciais para o DoSol. O combo cultural anuncia uma vasta programação que inclui o Festival Dosol, o Bloco da Greiosa, o Pôr do Som & DoSol e uma temporada de ações culturais no Memorial Câmara Cascudo. Todas as atividades serão sediadas no centro histórico com ocupação do pátio externo da Capitania das Artes e do Memorial Câmara Cascudo“Construímos uma articulação ampla e sólida com o Governo do RN e Prefeitura do Natal para não só comemorar os nossos 20 anos de atividades do DoSol, como ter forças para somar na retomada dos shows e atividades culturais que foram paralisados pelos 02 anos de pandemia, que ainda estamos enfrentando. Muitas salas culturais fecharam suas portas e fazer ações dentro de espaços públicos é um imenso sinal de que a comunidade, governo e artistas estão comprometidos com essa retomada”, comenta Anderson Foca, produtor do DoSol.

    Além da já divulgada agenda de shows do Festival DoSol que aconteceria em janeiro e foi adiada pra abril, chegam pra somar os shows dentro do Bloco da Greiosa e do Pôr do Som & DoSol, com presenças confirmadas dos Gilsons, FBC, Rachel Reis, Eddie, DinizK9, Camarones Orquestra Guitarrística, Manoel Cordeiro, Frevo do Xico, Skarimbó, Jaiara Fontes e muito mais.

    TEMPORADA DE ATIVIDADES DO MEMORIAL CÂMARA CASCUDO

    Uma das novidades do DoSol pra 2022 é a volta dos shows semanais. O combo cultural teve programação no Centro Cultural DoSol na Ribeira por 15 anos e em 2019 programou o espaço El Rock. A novidade desse retorno é que a programação vai ser 100% gratuita utilizando as áreas externas e internas do Memorial Câmara Cascudo, um dos prédios históricos mais icônicos do RN. Estão previstos shows, oficinas e residências artísticas no espaço com apoio da Fundação José Augusto e Governo do RN“O centro histórico sempre foi a nossa cara. Quando o Centro Cultural DoSol fechou na Ribeira, ficamos num hiato e retornar para o lugar onde o DoSol nasceu, emociona. Ainda mais depois de tanto tempo parados sem atividades presenciais. Estamos caprichando na programação e empolgados com essa temporada no Memorial Câmara Cascudo. Vai ser um ano de muita energia cultural pra todos nós”, afirma Ana Morena, produtora do DoSol.

    Shows do Eddie (PE) e Manoel Cordeiro (PA) já estão confirmados, além do lançamento dos álbuns do Rux, Camarones Orquestra Guitrrística e Ângela Castro. Também estão agendadas residências artísticas com a Cabocla de Jurema e Clara. A programação completa dos meses de abril e maio no Memorial terão mais de 20 shows.

    As atividades do Festival Dosol tem patrocínio da Devassa e da Oi através da Lei Câmara CascudoGoverno do RNUnimed Natal , Prefeitura do Natal e apoio cultural da Oi Futuro e Labsônica. O Pôr do Som & Dosol tem patrocínio da Devassa através da Lei Câmara Cascudo e Governo do RN e apoio da Prefeitura do Natal. O Bloco da Greiosa tem patrocínio exclusivo da Devassa e apoio da Prefeitura do Natal. A temporada de shows do Memorial Câmara Cascudo tem apoio da Fundação José Augusto e Governo do RN.

    Festival DoSol e o Pôr do Som & Dosol são afiliados da Abrafin – Associação Brasileira dos Festivais Independentes.

    CONFIRA A AGENDA COMPLETA DE SHOWS: 

    FESTIVAL DOSOL (2021/2022)

    Domingo, 10 de abril, Jardim Externo da Capitania das Artes – Abertura dos portões às 15h30INGRESSOS ESGOTADOS
    Àttooxxá (BA)Academia da Berlinda (PE)Seu Pereira e Coletivo 401 (PB)
    Orquestra Greiosa & Felipe Cordeiro (RN/PA)Luísa e os Alquimistas (RN)
    Skarimbó (RN)Bia e os Becks (PI)

    Sábado, 23 de abril, Jardim Externo da Capitania das Artes – Abertura dos portões às 15h30
    VENDA DE INGRESSOS AQUI
    Marina Sena (MG)Ferve & Bixarte (RN/PB)Coisaluz (RN)
    Fortunato e os Jovens de Ontem (RN)Aiyra (RN)Luana Flores (PB)Carol Porto (RN)

    TEMPORADA MEMORIAL CÂMARA CASCUDO
    *** INGRESSOS GRATUITOS (RETIRADA UMA HORA ANTES DE CADA APRESENTAÇÃO NO LOCAL)

    Sábado, 02 de abril, 16h – Pôr do Som & Dosol
    Eddie (PE)Ferve & Aiyra (RN/PB)DinizK9 (RN)Jaiara Fontes (RN)

    Sábado, 09 de abril, 18h
    Rux (RN)Mari Santana (PB)

    Sábado, 16 de abril, 18h
    Orquestra Boca Seca  (RN)Simona Talma (RN)

    Sexta, 22 de abril, 18h
    Backdrop Falls (CE)End Of Pipe (SC)Born To Freedom (RN)The Sinks (RN)

    De 27 de a 29 abril – Residência artística
    Cabocla de Jurema e convidados

    Sábado, 30 de abril, 18h
    Cabocla de Jurema (RN)Coco de Rosa (RN)

    Sábado, 07 de maio, 16h – Por do Som & Dosol
    Camarones Orquestra Guitarrística (RN)Frevo do Xico (RN)Manoel Cordeiro (PA)
    Skarimbó (RN)Ragganorte (RN)PatrickTor4 (PE)

    Sábado, 14 de maio, 18h
    Cazasuja (RN)Ártemis (RN)

    De 17 a 20 de maio – Residência Artística
    Clara e convidados

    Sábado, 21 de maio, 18h
    Ângela Castro e Buena Onda (RN)Clara (RN)

    BLOCO DA GREIOSA E PÔR DO SOM & DOSOL
    Jardim Externo da Capitania das Artes

    Sábado, 28 de maio, 15h – Pôr do Som & DoSol
    ENTRADA GRATUITA

    Orquestra Greiosa (RN) – Dusouto (RN) – Dani Cruz (RN)
    AnandaK (RN) – Amém Ore (RN) – Gatunas (PB) – Luaz (RN)

    Domingo, 29 de maio, 18h – Bloco da Greiosa
    INGRESSOS A VENDA AQUI
    Rachel Reis (BA) – FBC (MG) – Gilsons (RJ)

  • Sobre ,

    Exposição “Em torno do Beco” fica aberta até o dia 15 na Capitania das Artes

    O Centro Histórico e boêmio da Cidade Alta é palco da exposição coletiva “Em torno do Beco”, que estreia nessa sexta-feira (3) na galeria Newton Navarro, na Capitania das Artes.  O Beco da Lama, protagonista da exposição, traz como pano de fundo histórias e personagens locais. Atualmente, o Beco passa por obras de reestruturação e revitalização. 

    A exposição está sendo patrocinada pela Prefeitura do Natal, através da Lei Djalma Maranhão que por sua vez, está dentro da programação do Natal em Natal. Ao todo são 14 artistas:  Angelo Desmoulins (Jotó), Allan, Alexandre Ribeiro, Arthuri, Assis Marinho, Dilson Oliveira, Fábio Eduardo, Francisco Eduardo, Girotto, Lavoisier Cunha, Nilson, Renata Lisieux, Renato Monte, Tony França, Valderedo e Verônica Maria.

    Cada artista trouxe nas obras suas identidades e o modo de observar o mundo e o beco, por meio de técnicas e estilos, utilizando formas, cores, texturas e relevos.  A exposição ficará aberta à visitação até 15 de dezembro.

  • Sobre ,

    Questões sobre história da arte inspiram batalha de MC´s neste sábado (23) na Capitania das Artes

    A 7a Edição do Graffiti Expo Natal apresenta no próximo sábado, dia 23 de outubro, a Batalha da Galeria, uma nova experiência em batalhas de MCs.

    Se você está acostumado com as batalhas de ruas, você provavelmente conhece as famosas batalhas de sangue (objetivo de atacar o oponente, trocando farpas e ofensas), mas poucos sabem ou ouviram falar das batalhas do conhecimento.

    A batalha do conhecimento é temática, normalmente o próprio evento divulga ou pede pra plateia escolher temas para os MCs desenvolverem suas rimas sobre eles. Vence o Mc que apresentar as melhores rimas, normalmente avaliados pela plateia e jurados.

    Com temas que vão surgir a partir de curiosidades e informações da história da arte a Batalha da Galeria busca em sua 1ª edição valorizar e expandir o conteúdo das rimas para outros ouvir os Mc´s falando de educação, conjuntura e cultura.

    A batalha acontecerá a partir das 14h na Galeria Newton Navarro, no prédio da Funcarte, Centro Histórico. A ocupação do lugar com o hip-hop não chega a ser uma novidade, o produtor Marcelo Veni realiza apresentações lá desde 2013, quando da abertura da 1ª Edição da Expo Graffiti, os MCs sempre estiveram presente.  

    Mas a Batalha da Galeria será a primeira toda dedicada ao duelo de conhecimento com os Mc´s. Recentemente, no domingo dia 17, foi o Breaking, outro elemento da cultura hip-hop, que teve em destaque com a Batalha de B.Boys e B.Girls, campeonato que reuniu artistas da dança de rua do RN e da PB.

    Origem da Batalha do Conhecimento: A BdC (sigla para batalha do conhecimento) foi idealizada pelo MC Marechal em contraponto ao modelo tradicional das batalhas de MC ‘s. Iniciada em 2007 no Centro Interativo de Circo (CIC), na Fundição Progresso, no Rio de Janeiro – e a partir de 2010 também em São Paulo. Após 2 anos parada, voltou à cena no Museu de Arte do Rio (MAR), em 2014.

    Embora essa modalidade de batalhas não seja a principal e tenha pouca visibilidade nas rodas culturais, muitas outras competições do conhecimento rolam Brasil afora.

    Rap como ferramenta educacional: A batalha do conhecimento tem papel fundamental nesse tópico, pois tem sua base na troca dos saberes, saberes esses que vem de experiências, livros e expressões dos próprios artistas.

    Podemos complementar que são pontos de vistas diferentes para abordagens de assuntos específicos, o que possibilita um modo de aprender e ensinar através do processo de troca de reflexões.

    A 1ª edição da Batalha da Galeria tem apoio da Funcarte Lei Aldir Blanc RN, e do Sebrae RN e Potigás através dos Editais de Cultura.

    A realização é em parceria com a Batalha da Esperança e com a Cooperativa Das Batalhas do RN, que representa hoje cerca de 15 batalhas que acontecem em Natal e no interior do RN.

    Os 16 MC´s participantes vão concorrer ao título de 1º Lugar da Batalha e a premiação financeira e brindes especiais.

    7a Edição do Graffiti Expo Natal, teve abertura em 27 de agosto, já recebeu cerca de 500 visitantes e continua aberta até o próximo dia 27 de outubro, das 09h às 14h. São mais de 60 trabalhos de artistas potiguares em exposição. 

    MAIS INFORMAÇÕES

    MARCELO VENI 

    9.8790 1373 (WHATSAPP) 

    9.9175  9870 ( CLARO)