Censo da População em Situação de Rua começa a aplicação de questionários

O Censo Estadual da População em Situação de Rua, do Governo do Estado, inicia hoje (29/11) e amanhã (30/11), a fase de aplicação em campo dos questionários da pesquisa no município de São Gonçalo do Amarante, Região Metropolitana de Natal.

A fase de aplicação do questionário da pesquisa “Promoção dos Direitos da População em Situação de Rua no RN: Diagnóstico e Intervenção nos Caminhos de Inovação no Sistema Único de Assistência Social (SUAS) vai continuar nesta quarta-feira (1º/12) em Macaíba.

A pesquisa conta com três modelos de questionário: o básico, aplicado a todas as pessoas em situação de rua; o da amostra, aplicado a uma a cada dez pessoas; e o das famílias, aplicado a pessoas responsáveis por menores de idade também em situação de rua.
 
Pesquisa

O Censo da População em Situação de Rua é realizado pela SETHAS  em parceria com a Fundação de Apoio à Pesquisa do Rio Grande do Norte (FAPERN) e o Instituto de Educação Superior Presidente Kennedy – Centro de Formação de Profissionais de Educação (IFESP).

A pesquisa, segundo a coordenadora Edvânia Lima, faz parte do compromisso social  do Governo do Estado para efetuar um diagnóstico sobre a população em situação de rua para aperfeiçoar a gestão de programas e projetos do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) no Rio Grande do Norte.

O projeto tem duração de doze meses a partir da assinatura do termo de cooperação e a previsão é finalizar em agosto de 2022. A estimativa é que o relatório parcial seja divulgado em janeiro do ano que vem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

GIPHY App Key not set. Please check settings

Parnamirim inicia D3 contra a Covid em toda a população acima dos 18 anos

Fórum discute pesquisa e aponta rumos para a educação no RN