Morre o maestro Neemias Lopes

Que tristeza!

Foi a primeira notícia que vi quando acessei a internet hoje. Tipo um soco no estômago.

Morreu, aos 60 anos, na madrugada desta segunda-feira, 08, o maestro e saxofonista Neemias Lopes, vítima de uma parada cardíaca.

Pernambucano residente em natal há muitos anos, o taurino nascido no dia 13 de maio era uma das figuras queridas e ativas da cena musical natalense. Foi um dos fundadores da banda Mad Dog Blues, onde trabalhamos juntos, já que eu produzia algumas das loucuras dos “cachorros loucos” no final dos anos 1990. Também fez parte da Orquestra Sinfônica do Rio Grande do Norte e foi chefe do núcleo de música da Fundação Capitania das Artes – Funcarte, organizando artistas e bandas em todos os projetos culturais realizados pelo Município.

Pode ser uma imagem de 3 pessoas, pessoas tocando instrumentos musicais, pessoas em pé, violão e área interna

Atuou ainda como diretor musical do grupo Catita Choro e Gafieira, que trouxe o samba de volta às noites de Natal, além de comandar bandas e orquestras diversas e blocos de carnaval.

O velório do artista será no cemitério Morada da Paz, às 17h, e cerimônia de cremação às 22h, restrita à família, na capela central. O maestro deixa cinco filhos e um bocado de gente triste hoje. Vai na luz, querido!

Aos familiares e amigos, um abraço carinhoso e a certeza de que Neném deixa muitas e divertidas histórias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

GIPHY App Key not set. Please check settings

Depois de relatos de assaltos, Polícia Militar patrulha e orienta banhistas em Ponta Negra

Complexo Cultural Rampa busca personagens e histórias do local para compor acervo