Covid-19: Comitê de Biossegurança da UFERSA recomenda adiamento das aulas presenciais

O Comitê Permanente de Biossegurança da Universidade Federal Rural do Semi-Árido – Ufersa mantém o calendário acadêmico aprovado pelo CONSEPE para o semestre 2021.2, mas recomenda a transferência das aulas presenciais não essenciais do dia 14 para o dia 28 de fevereiro. A data poderá ser antecipada caso ocorra melhorias dos indicadores e regressão das faixas de riscos.

A recomendação é fundamentada em decorrência da piora no cenário nos municípios onde estão localizados os Campi da UFERSA, estando todos passando para Bandeira 4 que é de alerta. Além disso, o registro no aumento de óbitos, a alta testagem de casos positivos para a Covid-19, a predominância da variante Ômicron que apresenta alto poder de contagio, aumento na ocupação dos leitos, bem como na taxa de transmissibilidade.

Para os estudantes que não são oriundos de Mossoró, Angicos, Caraúbas e Pau dos Ferros, o Comitê de Biossegurança da Ufersa orienta para a manutenção do planejamento para o retorno presencial. O Comitê reforça ainda para as medidas preventivas como o uso de máscaras adequadas cobrindo o nariz e a boca; o distanciamento social; lavagem e higienização das mãos e, a vacinação. As recomendações do Comitê de Biossegurança vão passar agora para avaliação do CONSEPE.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

GIPHY App Key not set. Please check settings

Professores da rede estadual aprovam indicativo de greve e ato público para reivindicar Piso

Roda de Samba DUCARECA traz Ivando Monte e Debinha Ramos neste domingo (06) no Taverna Pub