Últimas histórias

  • Sobre ,

    Comissão de Finanças da Assembleia aprova projeto do Memorial da Mulher Potiguar

    Foi aprovado à unanimidade pelos deputados estaduais que integram a Comissão de Finanças e Fiscalização (CFF) o projeto de lei que institui o Memorial da Mulher Potiguar. Na reunião realizada na manhã desta quinta-feira (4), os parlamentares também aprovaram outro projeto de iniciativa parlamentar e mais um enviado pelo Ministério Público Estadual (MPE/RN).
     
    O projeto de lei que institui o Memorial da Mulher Potiguar é de iniciativa da deputada Isolda Dantas (PT) e contou com relatoria do deputado George Soares (PL). Tem como objetivo preservar a memória das mulheres que  desempenharam e  desempenham papel importante na construção da história RN. O Memorial se propõe a promover a valorização da mulher pelo reconhecimento, resgate e preservação do patrimônio histórico-cultural, entre outros que irão contribuir para disseminar informações e conhecimentos sobre a história das mulheres potiguares.
     
    Do deputado Galeno Torquato (PSD), foi aprovado o projeto que institui a realização do exame que detecta a trombofilia a toda mulher em idade fértil. O projeto também foi relatado por George Soares e teve aprovação unânime. De acordo com o projeto, o exame deverá ser realizado em todos os estabelecimentos de saúde, públicos ou privados, credenciados ao SUS.
     
    O projeto prevê a realização de uma anamnese detalhada logo na primeira consulta com o obstetra ou ginecologista, permitindo ao profissional conhecer o histórico familiar da paciente, principalmente com relação aos parentes de primeiro grau com diagnóstico de trombose ou gravidez com complicações e outros fatores hereditários.
     
    Outro projeto aprovado, de iniciativa do MPE, dispõe sobre a contratação temporária de pessoal no serviço público. O projeto já havia sido aprovado na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) e contou com relatoria do deputado Gustavo Carvalho (PSDB).

  • Sobre ,

    Podcast revela bastidores da primeira websérie sobre o forró potiguar

    Já está no ar, no Spotify, o podcast Roda Potiguar de Forró, que compartilha com o público os bastidores da construção da primeira websérie sobre o forró potiguar. Tanda Macêdo, Jubileu Filho e Carito Cavalcanti conversam sobre o entrelaçamento da música com o audiovisual e sobre as etapas da série, que segue disponível no Youtube.

    Com ênfase no resgate ao tradicional forró nordestino, a Roda foi criada em 2019, como um evento presencial. A primeira edição lotou o Teatro Riachuelo, mas no último ano o projeto precisou se reinventar, devido à pandemia, e para isso apostou no audiovisual.

    Produzido pela cantora e compositora Tanda Macêdo, a websérie tem quatro episódios dirigidos e roteirizados por Carito Cavalcanti e Praieira Filmes. O último capítulo é um pocket show com direção musical de Jubileu Filho.

    O podcast Roda Potiguar de Forró é uma realização do Quintal de Tanda, com recursos da Lei Aldir Blanc Rio Grande do Norte, Fundação José Augusto, Governo do Estado do Rio Grande do Norte, Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo e Governo Federal.

    SERVIÇO
    PODCAST RODA POTIGUAR DE FORRÓ | BASTIDORES DE UMA WEBSÉRIE MUSICAL

  • Sobre , ,

    Festival Urbanocine abre inscrições para mostras de filmes

    Festival Urbanocine é uma mostra de cinema online, de caráter não-competitivo, voltada à democratização do acesso a obras audiovisuais potiguares e nacionais, com sua terceira edição prevista para o mês de dezembro.

    O Festival está com inscrições abertas para filmes nas mostras potiguar e BR e estão aptos para a inscrição curtas-metragens brasileiros e potiguares, com duração de até 20 minutos, sem restrição de gênero. As inscrições podem ser realizadas até o dia 15 de outubro, através do link para a Mostra Potiguar e do link para a Mostra Brasil.

    Os filmes serão selecionados por uma curadoria composta por membros de reconhecida experiência, e as obras selecionadas serão divulgadas no site e nas mídias sociais do Festival, em data a ser informada posteriormente através do site www.urbanocine.com.br  e do perfil @urbanocine no Instagram.

    Além das Mostras Potiguar e BR, a programação do Festival contará ainda com a Mostra para convidados, com os filmes selecionados pela chamada de projetos Urbanocine.

    O Festival Urbanocine tem Realização da Ilha Deserta, com patrocínio do Governo do Estado do Rio Grande do Norte e Fundação José Augusto, via Lei Câmara Cascudo, Cosern e Grupo Neoenergia; com apoio do Sebrae RN e apoio cultural da Inter TV.

    SERVIÇO

    Festival Urbanocine

    Inscrições de filmes – Até 15 de outubro

    Mostra potiguar 

    Mostra BR 

    Mais informações: @urbanocine