Últimas histórias

  • Sobre ,

    Dança, teatro e humor em maio no Teatro Alberto Maranhão

    Dança, Teatro e shows de humor integram a programação de maio do Teatro Alberto Maranhão (TAM), equipamento administrado pela Fundação José Augusto (FJA).  O teatro histórico inicia a série de espetáculos a partir do próximo domingo (1) com a Mostra de Dança Studio Toda Dança, a partir das 17h. Os ingressos poderão ser adquiridos na bilheteria do teatro a partir das 14h nos dias dos espetáculos. As vendas online serão realizadas pelas produções dos eventos artísticos programados.

    O TAM foi reaberto no início de dezembro de 2022, anteriormente fechado, desde 2017, para obras de restauração com custo de 2,5 milhões, através do Banco Mundial. A obra teve a fiscalização do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), a fim de garantir a preservação da história do teatro.

    VEJA A PROGRAMAÇÃO COMPLETA DE MAIO:

    1/05 (domingo) – 17h – “Mostra de Dança Studio Toda Dança”. Ingresso: R$ 30 (inteira) e R$15 (meia).

    3/05 (terça-feira) – 19h – “Lançamento do Edital da Economia Criativa do SEBRAE”.

    5/05 (quinta-feira) – 19h – espetáculo “O Grande Show” – Studio Corpo de Baile. Ingresso: R$ 50,00 (promocional).

    6/05 (sexta-feira) – 19h – “Expresso 2022 – Os Chicos”, de Rafael Barros. Ingresso: R$ 50 (inteira), R$25 (meia) e R$ 25 (promocional).

    10/05 (terça-feira) – 15h – “I Fest Natal de Chorus Inovar Eventos”. Ingresso: convite.

    11/05 (quarta-feira) – 15h – “I Fest Natal de Chorus Inovar Eventos”. Ingresso: convite.

    12/05 (quinta-feira) – 15h – “I Fest Natal de Chorus Inovar Eventos”. Ingresso: convite.

    13/05 (sexta-feira) – 20h – espetáculo “As Cangaceiras, Guerreiras do Sertão”, Idearte Produções. Ingresso: R$ 100 (inteira), R$50 (meia) e R$ 50/25 (promocional).

    14/05 (sábado) – 20h – espetáculo “As Cangaceiras, Guerreiras do Sertão”, Idearte Produções. Ingresso: R$ 100 (inteira), R$50 (meia) e R$ 50/25 (promocional).

    15/05 (domingo) – 18h – espetáculo “As Cangaceiras, Guerreiras do Sertão”, Idearte Produções. Ingresso: R$ 100 (inteira), R$50 (meia) e R$ 50/25 (promocional).

    17/05 (terça-feira) – 19h30 – “O Quebra Nozes WS Studio de Dança”. Ingresso: R$ 40 (inteira), R$20 (meia).

    18/05 (quarta-feira) – 20h – “As Três Porquinhas” (Classificação Indicativo: 14 anos) – Ronaldo Negromonte. Ingresso: R$ 60 (inteira), R$30 (meia).

    19/05 (quinta-feira) – 19h30 – “As Três Porquinhas” (Classificação Indicativo: 14 anos) – Ronaldo Negromonte. Ingresso: R$ 60 (inteira), R$30 (meia).

    20/05 (sexta-feira) – 19h30 – “Nós em Um – EP 2022” – Ruben Matias. Ingresso: convite.

    21/05 (sábado) – 21h – Murilo Couto em “Um Stand Up Qualquer”, Lúcia de Oliveira Saraiva. Ingresso: R$ 100 (inteira), R$50 (meia).

    22/05 (domingo) – 17h – Espetáculo do “Cia. da Dança do TAM”. Ingresso: R$ 60 (inteira), R$30 (meia).

    25/05 (quarta-feira) – 19h30 – Concerto Oficial da Orquestra Sinfônica do Rio Grande do Norte. Ingresso: entrada franca.

    31/05 (terça-feira) – 19h – Espetáculo “Versátil “- Cia. de Dança, da Cia. do Movimento Escola de Dança.

  • Sobre

    Escola de Dança do TAM abre inscrições para vagas remanescentes

    O ano letivo na Escola de Dança do TAM (@edtam.natalrn) já começou. No entanto, ainda existem algumas poucas vagas para nossas turmas de hells dance, dança de salão, danças urbanas, ballet clássico e adulto.

    A matrícula é feita presencialmente na EDTAM, localizada na Rua Chile, n.106, Ribeira, de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 16h. Para realizar a inscrição, a pessoa (ou responsável) deve apresentar a seguinte documentação: xerox do RG e CPF; passaporte vacinal (Covid-19); uma taxa no valor de 60 reais (em espécie); um declaração de vínculo escolar (ou cópia do comprovante de conclusão/diploma) e um atestado de aptidão física (podendo ser entregue até o dia 1º de abril). Por mês, é cobrada uma mensalidade no valor de 60 reais.

  • Sobre , ,

    Teatro Alberto Maranhão oferece programação até a quinta-feira (23)

    Após a reabertura oficial no sábado (18) e a apresentação da Orquestra Sinfônica do Rio Grande do Norte (OSRN) no domingo, o Teatro Alberto Maranhão oferece programação diversificada até a próxima quinta-feira (23).

    “Ainda temos uma noite do cinema, uma noite da dança, uma noite de corais e uma ópera. O que precisávamos era o retorno deste espaço. No Rio Grande do Norte o que sobra é talento”, anuncia um animado diretor-geral da Fundação José Augusto, Crispiniano Neto. 

    PROGRAMAÇÃO

    20/12 – (Segunda – 19h)

    Mostra de curtas-metragens com cinco filmes premiados pela Lei Aldir Blanc RN

    21/12 – (Terça-feira-19h)

    Cantata Brincante SESC Natal (Evento para convidados)

    22/12 – (Quarta-19h)

    Quarta da Dança com a Cia de Dança do Teatro Alberto Maranhão (CDTAM) e grupos de dança, bailarinos e dançarinos convidados

    23/12 – (Quinta-19h)

    “O Empresário”, ópera cômica de W.A. Mozart com a Cia Lyricus (Mossoró)

  • Sobre ,

    Fundação José Augusto lança Prêmio Glorinha Oliveira

    A Fundação José Augusto lançou nessa sexta-feira, 12, o Prêmio Glorinha Oliveira. Um concurso que vai selecionar 400 propostas caracterizadas como HISTÓRIAS DE VIDA de trabalhadores e trabalhadoras da cultura, destinadas a constituir um acervo da memória artística e cultural potiguar e também como forma de apoiar os que vivem de atividades culturais e que, em consequência da pandemia de Covid-19 tiveram privada sua fonte de sobrevivência.

    Com recursos da Lei Aldir Blanc, o Prêmio Glorinha de Oliveira tem um valor total de 1 milhão e 800 mil reais, sendo que 50% deste montante serão destinados para a Região Metropolitana de Natal/RN e 50%, para o interior do Estado. Cada história de vida selecionada receberá R$4.500,00.

    Podem participar pessoas físicas ou MEI (Microempresário Individual) que tenham relação direta com a cadeia produtiva de arte e cultura do Estado, com atuação mínima de 2 (dois) anos, comprovada através de portfólio anexado às informações do currículo e, preferencialmente, que não tenham sido contemplados em 2020 em editais estaduais financiados por recursos da Lei Aldir Blanc  ou tenham sido contemplados com até dois editais.

    As inscrições estarão abertas de 04 a 07 de dezembro. Cada proponente só poderá inscrever uma única proposta e deve preencher o formulário digital disponível no endereço eletrônico: https://bityli.com/StLzmU.

    Compreende-se como trabalhador(a) da cultura, além de criadores de produtos artísticos ou culturais, técnicos integrantes da cadeia produtiva da cultura (produtor, técnico de som, iluminador, assistente de palco, roadie, montador de estruturas cênicas, diagramador, entre outros), e também praticantes de manifestações ligadas à cultura popular de tradição, incluindo-se a gastronomia e a medicina popular.

    A história de vida deve ser, preferencialmente, registrada em vídeo de no mínimo 5 minutos e no máximo meia hora de duração, podendo ser gravada com telefone celular. São admitidas outras formas de registro da história de vida do(a) contemplado(a), mais conforme com a expressão cultural de seu domínio, devendo o(a) mesmo(a) entender-se com a coordenação do EDITAL antes de se decidir por um formato diferente.

    Todos os detalhes, critérios e documentação necessária podem ser conferidos no Edital.

    Glorinha Oliveira

    Falecida em fevereiro de 2020, aos 95 anos, a cantora potiguar Glorinha Oliveira fez carreira na Era do Rádio e era uma das maiores estrelas do Rio Grande do Norte. Apelidada de Rouxinol Potiguar, Glorinha, além de cantora, também atuou como atriz, fez radionovelas e programas de humor.

  • Sobre , ,

    Governo apresenta benefícios fiscais para indústrias que investem em cultura

    O Rio Grande do Norte dispõe de dois instrumentos legais que possibilitam o empresariado do segmento racionalizar o volume de tributos repassados aos cofres públicos por meio de programas de incentivos. Um dos mais conhecidos é o Programa de Estímulo ao Desenvolvimento Industrial (Proedi), os empreendedores também podem ampliar as deduções fiscais ao aderir ao Programa Estadual de Incentivo à Cultura Câmara Cascudo, mais conhecido no meio artístico como Lei Câmara Cascudo (LCC).
     
    Para demonstrar como é possível obter essa redução e apresentar as vantagens, a Federação das Indústrias do Rio Grande do Norte (Fiern), a Secretaria Estadual de Tributação e a Fundação José Augusto (FJA) promovem, na próxima quarta-feira (6), às 16h, o ‘Meeting Indústria & Cultura – Vantagens Fiscais no RN’. O encontro será realizado remotamente e é voltado para proprietários de unidades industriais de todos os ramos de atividades.

    O evento faz parte das ações da campanha RN Mais Cultura, lançada em julho para fomentar a produção cultural do RN e ampliar a base de empresas patrocinadoras de projetos inscritos na LCC. Agentes, artistas e produtores culturais também estão envolvidos na ação que difunde que a indústria criativa é uma das que mais cresce no mundo e deve ser encarada como geradora de renda e empregos.

    O encontro é promovido pelo governo em parceria com o Sistema Fiern, que está responsável pelo convite aos empresários.

    SERVIÇO:
    DATA: 06/10/2021
    HORÁRIO: 16H
    LOCAL: Plataforma Google Meet (somente convidados)

  • Sobre ,

    Lei Aldir Blanc: FJA prorroga prestação de contas até 31 de dezembro

    A Fundação José Augusto prorrogou até 31 de dezembro de 2021 o prazo para a apresentação dos relatórios de Prestação de Contas dos Editais 2020 da Lei Aldir RN Blanc.
    A portaria foi publicada pela FJA no Diário Oficial do Estado nesta quinta (30).
    A decisão pela prorrogação foi motivada pelo expressivo número de beneficiários que solicitaram a medida, em razão de imprevistos que afetaram a execução dos projetos.

  • Sobre

    Orquestra Sinfônica do RN se apresenta neste domingo no Papódromo

    O mês de setembro inspira recomeços para os potiguares apreciadores da música de concerto. Após mais de um ano com apresentações virtuais, a Orquestra Sinfônica do Rio Grande do Norte – OSRN, através do projeto Movimento Sinfônico, retorna aos palcos no dia 26 de setembro, às 17h, sob a regência do maestro Linus Lerner, no anfiteatro do Espaço Cultural João Paulo II- Papódromo, com realização da Fundação José AugustoFJA. Este será o primeiro evento após a reforma do local, que possui palco, camarim, salas de ensaio, camarote, arquibancadas, banheiros e estacionamento.

    A retomada acontece no estilo Soft Opening, ou seja, de maneira controlada e restrita, para garantir a devida segurança requerida pela situação atual. O evento segue as normas de biossegurança, e tem entrada gratuita mediante cadastro pelo Sympla, a partir das 9h do dia 23 (quinta-feira). Os ingressos são limitados (300 unidades).  

    “Após o mais crítico período da pandemia, a nossa querida Orquestra reencontra presencialmente o grande público através de um concerto especial, que entrega o histórico Papódromo para a sociedade potiguar, mais um espaço resgatado pelo Governo do Estado para abrigar as produções artístico-culturais do RN”, declara o diretor geral da FJA, Crispiniano Neto.

    “A vida pulsa ao vivo. Retomar o encontro com o público é reintegrar a missão mais importante da OSRN: levar a música de concerto ao vivo e, presencialmente, para a população do RN”, expressa Tatiane Fernandes, diretora de produção da Orquestra. E, sem dúvida, um momento de expectativas também para o maestro: “Foi um ano e meio de grandes projetos online, pioneirismo de nossa parte no Brasil e, até mesmo, no mundo. Estou muito contente de poder estar de volta e em um novo espaço cultural, com novo palco”, comemora Linus.

    No repertório, grandes obras orquestrais. “Escolhemos músicas que mostrem o poder da orquestra tocando de forma presencial novamente, algo que não fazíamos desde o início da pandemia, devido a impossibilidade de nos reunirmos. E também que nos trazem alguma mensagem, a exemplo da música de abertura “La Forza del Destino”, de Giuseppe Verdi. Se alinharmos ao momento atual, remete a reflexão do destino que nos leva às coisas que não controlamos, como a pandemia. E, além disso, pela comemoração dos 180 anos de nascimento de Antonín Dvorák, com a “Sinfonia do Novo Mundo”, representando, aqui, um ‘novo mundo’ que esperamos pós-pandemia”, revela Linus Lerner e acrescenta “podem aguardar música brasileira também”.

    Além dessas, estão na programação George Bizet, com a ópera Carmem Suite 1 & 2 (1875); Jules Massenet, em Meditação de Thais (1894), a ser executada pelo solista da OSRN, André Kolodiuk; Batuque (1891), de Alberto Nepomuceno, considerado o pai do nacionalismo na música erudita brasileira e um dos primeiros a empregar elementos do nosso folclore em suas composições; West Side Story Selections (1957), de Leonard Bernstein, inspirada na obra de Romeu e Julieta; Dança Eslava (1878), de Antonín Dvorák e, uma das maiores músicas brasileiras, a bossa nova Garota de Ipanema (1962), composta por Antônio Carlos Jobim e letrada por Vinícius de Moraes.

    A Orquestra Sinfônica do Rio Grande do Norte tem o Governo do Estado do RN como seu principal mantenedor. A temporada 2021 é realizada através do projeto Movimento Sinfônico por meio do patrocínio via incentivo fiscal da Neoenergia Cosern e Instituto Neoenergia, mediante Lei Câmara Cascudo do Governo do Estado do RN, da Unimed Natal, Hospital do Coração e Prefeitura do Natal, por meio da Lei Djalma Maranhão; Apoio G7 Comunicação. O projeto Movimento Sinfônico é uma realização da OSRN / Fundação José Augusto e da MAPA Realizações Culturais.

    Serviço:

    Movimento Sinfônico 2021 – Orquestra Sinfônica do Rio Grande do Norte

    RETOMADA

    Quando: 26 de setembro (domingo)

    Onde: Papódromo (no dia do evento, o acesso ao local será pelo portão principal do Centro Administrativo, na BR-101)

    Horário: 17h

    Ingressos: O público pode reservar ingresso gratuito através do Sympla, a partir das 9h de quinta-feira (23). Será permitido um por CPF.

    No dia do concerto, a entrada só será permitida mediante apresentação do voucher e comprovante de vacinação. É obrigatório o uso de máscara no local e aconselhável levar o seu próprio álcool em gel.